Os prováveis caminhos da Huawei

P30 Pro


O assunto mais comentado da semana no mundo da tecnologia, certamente é a situação escabrosa que a Huawei está enfrentando. A Ordem de Segurança Emergencial emitida por Donald Trump jogou um balde de água gelada nos planos de expansão mundial da companhia chinesa. Mas não vou me prolongar no assunto, que você pode conferir melhor nesses excelentes artigos do Paulo Higa no Tecnoblog e do Ronaldo Gogoni do MeioBit.

O objetivo aqui é imaginar qual o caminho que a Huawei possa seguir no jogo caso não consiga convencer a administração Trump que não é uma espiã da China.

Juro que tentei achar foto de espiã chinesa.

Bem, a solução mais óbvia que a Huawei tomará no mobile, é criar um fork do Android para poder continuar razoavelmente competitiva. É uma solução — claro que não é o ideal mas plausível — que ela crie um fork do qual ela possa ter total controle, e formar uma parceria com lojas já existentes, como ApkPure, Aptoide e etc., afim de disfarçar um pouco o rombo que certamente a falta dos GApps causará.

Essa solução, seria adotada para novos aparelhos.

Os já lançados, como o belo P30 Pro e o irmão menor P30 Lite, podem continuar usando o Android (já que o sistema em si é de código aberto), sem os apps proprietários do Google. O problema, é que a Huawei terá que esperar alguns meses para a próxima versão ser lançada no repositório do ASOP, fazendo a Huawei sempre ser a última a atualizar os aparelhos.

P30 Lite

Até esses dias, como empresa parceira, ela tinha acesso antecipado à versão posterior do Android, para dar tempo da empresa fazer as modificações necessárias e lançá-lo junto com a verão pura (coisa que poucas fabricantes fazem).

O problema de forks e/ou novos sistemas, é que um total de 0 fabricantes tiveram sucesso de competir no mercado dominado por iOS e Android. Infelizmente, as pessoas se acomodam, e dificilmente arriscam fora do cercadinho. O resultado, é uma longa lista de sistemas mortos ou zumbificados ao longo dos últimos 10 anos.

De cabeça, lembro dos:


  • Nokia Maemo e MeeGO, fusão do Maemo com o Intel Moblin.
  • Ubuntu Phone
  • Microsoft Windows Mobile, Windows Phone e Windows 10 Mobile
  • WebOS pós aquisição pela LG, depois ela desistiu e focou nas TVs
  • Samsung Tizen, a reencarnação do Moblin que está restrita aos smartphones de entrada na Índia, smartwatchs e TVs
  • SailfishOS, a reencarnação do MeeGO que morreu de forma silenciosa.


Além do fator consumidor, há também o developer, que não vai desperdiçar tempo fazendo apps para um sistema que não tem uma quantidade crítica de usuários para ser rentável. É a bola de neve que matou o Windows 10 Mobile, todavia ele estivesse em confortáveis 3,6% de mercado mundial, e sendo o segundo sistema mais usado em vários países, principalmente América Latina.

Não estou rogando praga no futuro sistema da Huawei, só estou tentando ser realista.

MateBook X

No desktop, a situação é mais tranquila. A Huawei tem uma participação irrisória no mercado de PCs, então ela nem precisa gastar tempo desenvolvendo um sistema. Só pegar uma distribuição Linux qualquer e mandar ver.

Mas se eu fosse a Huawei, chutava o pau da barraca, e desenvolveria um sistema único para tudo. O supracitado SailfishOS estavam indo por esse caminho. Adquirir a expertise já alcançada, ajudaria a lançar o sistema o mais rápido o possível. O SailfishOS estava se preparando para rodar apps do Android, o que já ajuda bastante.

Seja qual for o caminho adotado pela Huawei, espero que ela tenha sucesso. Afinal de contas, um mercado já estagnado como o de smartphones, só teria a perder se a Huawei tivesse que sair do jogo.

A Microsoft foi covarde e não quis brigar nesse mercado, abandonando todo mundo. Já a Huawei… bem:

Mate X

Publicado por Ward'z de Souza

Ator, apresentador, geek, locutor, colunista DRT 0050804/SP Um dos 7 bilhões de experts em fotografia ;·) Anime, mangá, 📺, 📻, cultura do 🇯🇵🇬🇷🇮🇹 🌏.

Deixe um comentário

Faça o login usando um destes métodos para comentar:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: