BroadLink RM mini 3: um pequeno notável

Depois de testar e aprovar o BroadLink RM Pro+, chegou a hora de fazer o mesmo com o irmãozinho. Será que ele é tão bom quanto o Pro+? É o que pretendo responder nos próximos parágrafos.



Leia também


Hardware

O BroadLink RM mini 3 é incrivelmente compacto. E que bichinho lindju. Ele parece o Mac Lixeira/Cinzeiro Pro, mas em uma escala bem diminuta.

Ele tem 5,5cm de largura e profundidade e 6,5cm de altura, pesando só 75 gramas. É uma pulguinha praticamente, mas é poderoso. Ele possui 6 IRs com alcance de 12 metros, e 1 IR “leitor”.

Os IRs ficam no topo. No resto do corpo, ficam os componentes para seu funcionamento.



Diferente do RM Pro+, ele não tem controle por radiofrequência (RF), já que ele é um produto criado para ser espalhado pela casa, enquanto o Pro geralmente fica na sala.

Uma coisa que fiquei um pouco desapontado, é que ele não vem acompanhado de um plug de tomada, então você vai precisar comprar a parte.



O plug precisa ser de 5v (voltes) e no mínimo 0.5a (ampere) para que ele possa funcionar a contento!

Configuração e Instalação

Uma vez ligado à tomada (ou uma powerbank), você tera que reseta-lo para garantir que ele esteja pronto para ser configurado.

O led azul deve piscar continua e aceleradamente indicando uma conexão via Wi-Fi. Tanto ele quanto o Pro+ tem função de Access Point, ou seja, que pode ser configurado de forma direta conectando o Wi-Fi do celular diretamente nele. Mas eu prefiro fazer de forma tradicional, pelo roteador.

O app usado é o IHC, você pode ler mais sobre a configuração no review do RM Pro+review do RM Pro+.

Uma vez configurado bonitinho, e atualizado, eu fui na função de adicionar a TV e o Receiver da Sky do quarto da Vó. E para minha (conhecida, mas esquecida) grata surpresa, tudo que precisei fazer foi clicar na TV que já tinha configurado antes com o Pro+, e lhe dar um nome.



Controle por Voz

Obviamente, o controle por voz segue o mesmo padrão do Pro+, e com a atualização recente que a skill do IHC recebeu, ela foi refinada.

O que adorei, é que a skill absorve as cenas que você cria no app, facilitando ainda mais sua vida, pedindo para a Alexa ou a Assistant executá-las. O comando usado é o Ligar nome da cena. Seja na Alexa ou na Assistant.



Aqui, no caso, criei uma cena que sincroniza a mudança de canal na TV da sala e do quarto da Vó, e que desliga ou silencia as TVs ao mesmo tempo. É demais. 😂

Conclusão

Vale a pena? Com certeza.

Embora ele não tenha a função de RF, ele faz exatamente aquilo que se propõe a fazer: controlar todos os dispositivos IR da casa.

O mini 3 é feito para colocar em mais de um cômodo da casa, diferente do Pro+ que geralmente fica na sala onde pode ter coisas com controle RF, e próximo da garagem controlando o portão.

O mini 3 é compacto, discreto e mais importante, custa muito mais barato. Importado custa em média 80 reais, mas você acha no Mercado Livre a pronta entrega por 110 reais em média.



Como muitos colegas na Internet™, também produzo conteúdo. Mas para trazer qualidade, preciso de recursos!

Se você gosta dos meus textos, áudios e vídeos, por favor, considere fazer uma doação no PicPay e/ou ser minha madrinha e padrinho.

Então, vem comigo! Papapa, pa… 🎶 😄

Obrigado! 😁👍

PicPay: Wardz_de_souzA e Padrim!

Publicado por Ward'z de Souza

Ator, apresentador, geek, locutor, colunista DRT 0050804/SP Um dos 7 bilhões de experts em fotografia ;·) Anime, mangá, 📺, 📻, cultura do 🇯🇵🇬🇷🇮🇹 🌏.

Deixe um comentário

Faça o login usando um destes métodos para comentar:

Logo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: